Categoria Blog

Feliz dia do programador!

Linguagem de programação

As linguagens de programação para um programador, nada mais é do que um método de passar instruções para um computador.

Trata-se de um conjunto de regras sintáticas e semânticas usadas para definir um programa de computador e permitir que programadores instrua a máquina, quais dados um ele deve processar, e como estes dados deverão ser armazenados e transmitidos. Que tipo de ações deverão ser tomadas.

Para quais finalidades as linguagens de programação podem ser usadas

As linguagens são usadas para converter algoritmos criados pelo homem em linguagens de máquina, para assim serem processadas.

Um conjunto de códigos, compostos por regras algorítmicas formam o código fonte de um aplicação ou software.

Esse conjunto de códigos é convertido para linguagem de máquina, que então é processado pelos processador.

 

Uma das principais finalidades das linguagens de programação

Fazer com que programadores tenham mais eficiência no desenvolvimento de determinados projetos, permitindo passar coordenadas de forma mais simples para a máquina. separando cada vez mais o homem das camadas da linguagem das máquinas, como Assembler por exemplo.

As linguagens de programação mais conhecidas usam sintaxe de nível de camadas mais altos, são mais facilmente interpretadas por programadores humanos. Sendo ferramentas muito importantes usadas para que programadores e engenheiros de software possam escrever códigos de programas de forma mais simples, organizados, em tempo reduzido e menos suscetível a falhas.

O que seria do mundo sem os programadores!!! \0>

 

“O primeiro trabalho de linguagem de programação foi criado por Ada Lovelace, grande amiga de Charles Babbage. No projeto da primeira calculadora mecânica programável foi idealizado por Charles Babbage que, após gastar fortunas e um longo tempo, não conseguiu concretizar o projeto.

A linguagem de programação ADA foi batizada em homenagem a esta primeira programadora.”

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ada_Lovelace

O que seria do programadores sem as programadoras!!! \0>

 

HTTPS, protocolo de navegação na internet.

HTTP, apesar de ter sido usado durante muito tempo é considerado inseguro e por esse motivo está sendo substituído pelo HTTPS.

O Google, em fevereiro deste ano (2018), já havia revelado uma nova versão estável do Google Chrome que seria lançada em julho e passaria a avisar todo site HTTP como sendo não seguro para o usuário.

O Chrome e outros navegadores passaram a usar essa medida como padrão.

A razão para tal procedimento é o aumento na adoção do HTTPS, justo pela disponibilidade de certificados SSL/TLS gratuitos pela maioria das empresas de hospedagem.

Para quem não está iterado no assunto,  HTTPS/HTTP é um protocolo de navegação na internet, o protocolo é necessário para que possam navegar por sites e páginas na rede.

O HTTP, mesmo sendo popular por todo este tempo, é considerado inseguro e por isso está sendo substituído pelo HTTPS.

Por usar criptografia, o HTTPS é mais seguro em relação as trocas de informações entre usuários e site, e assim evitando possíveis roubos de dados na rede.

O Chrome 68 é a primeira versão estável que começou a implementar as medidas de segurança. Isso fez com que o número de sites migrados para o padrão SSL/HTTPS aumentassem consideravelmente este ano.

Devido a grande quantidade de usuários de internet que usam o Chrome, ninguém vai querer ver o seu site como não seguro.

Lembrando também que sites que utilizam HTTPS, que não forem configurados corretamente, correm o risco de receberem o aviso, assim como para as páginas que não redirecionarem automaticamente o usuário para a página HTTPS, caso ele acesse a versão HTTP do seu site.

Sabendo de tudo isso, vale à pena dar uma atenção especial a seus sites e migrá-los o quanto antes para HTTPS.

Enfim, vale à pena também dar uma pesquisada por SSL grátisLet’s Encrypt

Dando prosseguimento ao assunto sobre Densidade de Palavra-Chave 🙂

É recomendado que você defina um intervalo de quantidade de palavras-chave de, 0,5% a 2,5%, dependendo da quantidade de palavras há em seu texto.

Vamos aos fatores.

Esse intervalo pode ainda não ter uma regra rígida, mas na verdade é bom segui-la.
(Também é bom levar em consideração o comprimento de suas palavras-chave.)

Vamos aos exemplos de densidade de palavra-chave:

Se por exemplo, você usou 2% das palavras seu post como sua palavra-chave, seu texto ainda será bem natural de se ler tanto para os robores quanto para seus leitores.

Não dará para parecer que também teve a intensão de otimiza-lo para buscadores, não é?
A verdade é que você quer ter a certeza de que seu texto foi escrito para humanos, não para os buscadores.

Se a densidade de palavras-chave do seu texto exceder aos limites impostos pelo próprio Google.
Exemplo: Se você usou mais do que 3%, já dará para parecer com spam, ou o que chamamos de Excesso de palavras-chave.

Ai vai começar a parecer que está escrito para os buscadores mais do que para seus leitores.
Nunca faça isso!  Por este motivo que os intervalos de densidade de palavra-chave de 0,5% e 2,5% devem ser respeitados, além de ser uma boa prática de SEO, é uma boa indicação de que seu texto foi escrito de forma natural e bem otimizado.

Várias palavras-chave é bom para Otimização para Buscadores

Você muitas vezes, se verá otimizando um texto para mais de uma palavra-chave para suas páginas ou artigos,  especialmente aqueles bem longos, porém podem ser usados para várias palavras-chave.

É difícil escrever vários artigos sobre palavras-chave semelhantes, por outro lado faz isso faz sentido agrupá-los em menas páginas ou em uma se necessário.

Pense desta forma

  • Escrever artigos sobre “SEO” e “Otimização para buscadores
  • Escrever artigos sobre  “Depoimentos” e “Testemunho

Mas também palavras que são um pouco mais não relacionadas.
O plural de uma palavra-chave também é algo que você pode adicionar como palavra-chave de foco para sua página.

Dessa forma ao falar sobre a densidade de palavras-chave, SEO e search engine optimization, obviamente, significam praticamente a mesma coisa.
Você deve portanto levar isso em consideração, ao verificar a densidade de palavras-chave para sua página.

Se a densidade das palavras-chave para SEO já estiver atingindo os 2%, seria interessante adicionar outros 2% para otimização de mecanismos de pesquisa, com outra palavra. Alguns plugins para wordpress fazem isso.

Você deve estar se perguntando como o Google considera duas palavras iguais ou não: isso é simples.
Pesquise no Google uma palavra, SEO e veja se o outro é ousado também :

Sobre seo palavras-chave

Neste exemplo, fica claro que o Google trata a palavra “SEO” da mesma forma que trata “otimização de mecanismos de pesquisa” ou ” search engine optimization”.

Então, deu para entenderem um pouco mais sobre o assunto?
Logo postaremos mais materiais sobre SEO aqui no blog.

 

A densidade de palavras-chave é o número de vezes que sua palavra-chave aparece em uma página da Web, em comparação com todo o texto dessa página.

E é um dos fatores muito importantes no SEO da página.

Antes de você escrever um post para o seu site ou blog, você deve pensar sobre qual palavra-chave você quer usar para o bom posicionamento dessa postagem.

Calculando a Densidade de Palavras-Chave

Se você escrever um texto com 100 palavras e 5 delas forem sua palavra-chave, então sua densidade de palavras-chave é de 5%.

Simples assim. Mas o Google vai mais além que isso.

Em um outro post, falaremos sobre várias coisas que você precisará levar em consideração ao escolher a palavra-chave e verificar a quantidade de palavras-chave em suas páginas ou posts.

Falaremos sobre definição de intervalos, quantidade de palavras-chave e a dependência de vários fatores no seu uso.

No início desta semana, o Google anunciou que o Google AdWords vai passar a se chamar Google Ads.

A nova marca Google Ads representa uma gama completa de tipos de campanha na Rede de Pesquisa, na Rede de Display, Campanhas de vídeo, Campanhas de aplicações e outras mais.

Google AdWords

 

Estas irão permitir que estabeleça uma ligação com mais consumidores à medida que recorrem à Google e aos sites e aplicações dos seus parceiros, com o intuito de encontrarem informações e realizar todo o tipo de tarefas.

A partir da  data 24/07/ 2018 “terça-feira”, começa-rá a aparição da nova marca do Google Ads, incluindo o novo nome e sua nova logo, refletidos na interface do produto, algumas das partes que já poderão ser vistas é no Centro de Ajuda, nos documentos de faturação, etc.

O URL também será alterado de adwords.google.com para ads.google.com.

Não será necessário para o usuário fazer quaisquer alterações, as mudanças na marca para Google Ads, não terão impacto no desempenho da campanha, na navegação ou nos relatórios.

Foi mencionado também que, caso alguém tenha alguma dúvida ou pretende contatar o Google, podem visitar a Página do Centro de Ajuda. Tudo será esclarecido lá.

 

Mais matérias no nosso Blog.

,O Google acaba de informar que reduziu o tamanho das meta descrições no seu mecanismo de busca.

Danny Sullivan do Google confirmou a redução do tamanho das meta descrições, mas que ainda não existe um tamanho específico e que podem variar conforme o sistema de indexação do Google assim como melhor for identificado.

As meta descrições em dispositivos desktop foi reduzido de 300 caracteres para 160 caracteres (em média).

E as meta descrições em dispositivos móveis tiveram seu tamanho definido aproximadamente em 130 caracteres.

Uma das soluções para a dúvida em relação ao tamanho das Meta Descrições

Tomando em conta esses detalhes, fica a dúvida! Parece que, talvez a melhor opção seja criar suas metas descrições com no máximo 320 caracteres (dependendo da necessidade), ainda assim pensando nos 130 caracteres dos dispositivos móveis e nos 160 caracteres para dispositivos desktop. Já pensando na sua visualização nas páginas de pesquisa do Google em caso de redução.

Sabemos o quanto isso é complexo, mas, mais complexo ainda é saber como o Google reage em relação a SEO de um site na escolha do seu posicionamento.

O importante é nos mantermos mesmo informados e atualizados com as novas tendências das técnicas de SEO e nos algoritmos do Google.

Recentemente, aconteceu o Google I/O 2018 e como foco tiveram várias novidades em aplicativos e serviços da gigante das buscas. Porém, a companhia não falou sobre a sua rede social Google Plus. Vale mencionar que mesmo sem fazer muito sucesso, a rede social do Google continua recebendo novidades.

A última versão do aplicativo (v10.6) aponta em seu código fonte algumas novidades que podem chegar em breve. A primeira delas estaria direcionada para um novo atalho para a página de controle e privacidade na conta do Google. Além disso, há ainda um link que direciona o usuário para as políticas de privacidade.

Google Plus

O Google, desta vez, poderá habilitar as opções de formatação de texto no Google Plus. No código do aplicativo é possível constatar uma menção de uma nova barra de ferramentas contendo nove configurações diferentes que podem ser usadas para colorir, moldar, decorar ou mesmo ajustar a posição do texto.

Além disso, também poderemos ter a formatação da cor de texto e ainda de fundo. Não está muito claro de a mudança de cor será aplicada somente à linha do texto selecionada ou se mudará todo o post que é feito pelo usuário. Nas fontes deverá haver seis opções de cores, e ainda com a combinação de fonte clara ou escura, assim sendo, no final, teremos 12 opções.

Para completar, também foram encontradas ajustes de alinhamento de texto, tipos de fontes no aplicativo.

No código do app há menção a uma nova barra de ferramentas com nove configurações diferentes que podem ser usadas para colorir, moldar, decorar ou ajustar a posição do texto.

Caso todas as informações realmente estiverem de acordo, e forem confirmadas na próxima atualização, poderemos constatar que o Google está em busca de melhorias e aperfeiçoamento da sua rede social.

Projetado especificamente para os desenvolvedores e atualmente disponível para o Windows(mas já já tem para Mac e Linux), Blisk é um navegador baseado no Chromium gratuito que visa melhorar a produtividade e qualidade do código, fornecendo uma ampla gama de ferramentas para desenvolvimento Web e testar tanto para desktop e móvel.

Blisk vem com um conjunto bem bacana de emuladores pré-instalados de dispositivos populares, tornando mais fácil o teste dos projetos em vários dispositivos e navegadores.

O recurso é particularmente útil para comparar como o projeto responde a diferentes resoluções de tela e proporções de pixel.

Para fazer testes em dispositivos ainda mais simples, o Blisk oferece uma funcionalidade útil de “rolagem sync”, que permite aos desenvolvedores a trabalharem simultaneamente com a mesma parte do código em vários dispositivos sem perder o foco.

Isto significa que sempre que você rolar uma página no seu dispositivo desktop, Blisk mostrará automaticamente a mesma seção da página em seu dispositivo móvel também.

blisk

O navegador possui um recurso de “auto refresh”, que atualiza continuamente o conteúdo da página para que os programadores não têm mais para recarregar várias abas cada vez que fazer alterações em seu código.

 

Não sendo tanta novidade assim, já que é possível usar várias alternativas de Live Reload, mas ter isso no próprio browser, sem ter uma dependência no projeto, é muito bom.

 

Blisk também dispõe de uma funcionalidade de captura de tela de um clique que torna mais fácil para os desenvolvedores para documentar questões técnicas.

 

Para tornar a partilha de bugs com sua equipe dev mais eficiente, todas as imagens são automaticamente salvas em um sua conta Blisk, armazenando em nuvem para que todos tenham acesso rápido a eles quando necessário.

Além disso, Blisk vem com um painel de análise embutido que monitora o seu código para a qualidade, velocidade de carregamento e compatibilidade cross-browser.

Ele também rastreia e desenvolvedores de alertas para erros em seu código em tempo real.

O browser suporta ainda uma série de integrações com outras ferramentas e plataformas, incluindo Asana, Trello, TFS e Google Drive.

Baixe o Blisk aqui!

 

 

Gmail fica mais inteligente e ganha visual novo baseado em  Material Design.

Saiba com ativar nova versão do Gmail

Foi anunciada nesta quarta-feira (25) a chegada do Nova versão do Gmail, o visual remodelado e com mais funcionalidades para versão web do leitor de e-mails.

O Gmail também também vem com recursos com inteligencia artificia A.I, alguns herdados do famoso Google Inbox.

Entre eles estão o “Adiar”, que age como um retardo recebendo a mesma mensagem novamente mais tarde, e o Smart Reply, com e-mails prontos para usar em um clique.

O cliente de e-mail ganha um design mais limpo e sofisticado, e promete vir com funções mais simples, como por exemplo: atalhos para sair da tela de composição e passam a ficar acessíveis por meio da tela principal.

Há cerca de duas semanas, já se ouvia rumores da nova mudança, mas só agora se torna oficial.

O layout é inspirado no Material Design, linguagem desenvolvida pelo próprio Google, usado em interfaces de aplicativos móveis e até mesmo de sites. com recursos de tipografia, diagramação e cores para auxiliar o usuário na organização das mensagens.

 Passo um para a ativação da nova versão do Gmail

Google investe em aplicativo para ensinar programação e que é gratuito, se parece muito com outros do ramo de ensino. O objetivo do aplicativo é introduzir a programação para novos usuários, mas de forma diferente e divertida.

Com jogos rápidos, ele ensina linguagens de programação como JavaScript, criando desafios e níveis para quem deseja aumentar suas habilidades.

O objetivo não é criar profissionais no ramo, mas despertar curiosidade para que no futuro eles possam seguir seus próprios caminhos.

Grasshopper, um aplicativo para ensinar programação que é um lançamento da Area 120, incubadora interna do Google. Criada há cerca de dois anos, e funciona como um programa de projetos rápidos, feitos por equipes menores. porem, nem todos esses produtos são lançados ao público.

No caso do aplicativo de programação, porém, já foram 2.090 downloads em média, pelo Google Play, com 1.760 avaliações positivas, depois de um dia de lançamento. Você pode encontrá-lo para iOS ou Android, ambos gratuitos.